Employer Value Proposition: Como implementá-lo com sucesso

5 minutos para ler

Você já parou para pensar o que torna a sua empresa atrativa para os profissionais do mercado? Ter noção do que a diferencia das demais organizações é o que chamamos de Employer Value Proposition, e implantá-lo com sucesso é fundamental para a retenção de talentos.

O EVP, também conhecido como Proposta de Valor ao Colaborador, é um conjunto exclusivo de ofertas e valores que tornam uma empresa única no mercado e permitem atrair e reter os melhores profissionais. Ele representa a coleção de qualidades que a empresa gostaria que os colaboradores atribuíssem a ela.

Além disso, está relacionado a diversos aspectos, como:

  • Cultura da organização: a relação entre as equipes, o propósito, os planos e os objetivos a longo prazo;
  • Oportunidades de desenvolvimento e plano de carreira;
  • Avaliação e feedbacks;
  • Ambiente de trabalho que permite um equilíbrio entre vida pessoal e profissional;
  • Salários e promoções;
  • Benefícios como plano de saúde e flexibilidade de horário.

É importante lembrar, também, que o Employer Value Proposition deve se adaptar conforme as necessidades e o crescimento da empresa. Portanto, é preciso que ele tenha a inovação como um pilar e seja constantemente revisado, visando manter o ambiente de trabalho o mais saudável e acolhedor para todos.

Como construir um EVP eficiente?

Assim como dito anteriormente, a Proposta de Valor ao Colaborador está relacionada à cultura e ao diferencial da organização em que você trabalha.

Por isso, para construir um EVP com excelência, é importante que todos estejam envolvidos no projeto, desde os colaboradores até os líderes.

Antes de mais nada, é preciso refletir sobre o que motiva os atuais funcionários a irem trabalhar todos os dias e o que faria um profissional querer trabalhar na sua empresa. Você pode levantar esses dados realizando ações tanto com o público interno quanto externo, como:

  • Monitorar a reputação da organização nos sites de avaliação de empregador;
  • Entrevistar as equipes atuais e os ex-funcionários e ouvi-los a respeito do ambiente de trabalho. Entenda o que os fazem permanecer na empresa e o que torna outras ofertas tentadoras. Aos ex-colaboradores, pergunte o que eles mais gostavam e o que os levou a aceitar outro desafio;
  • Realizar uma pesquisa Focus Group, para perceber como as pessoas associam a marca e a imagem que possuem dela;
  • Conversar com candidatos que rejeitaram ofertas de emprego da empresa em algum momento também é uma ótima oportunidade para ter bons insights de melhorias.

A partir dessas informações, será possível analisar quais são os propósitos atuais da empresa e o que pode ser melhorado daqui para frente. Pare para pensar: Como a organização deseja motivar os colaboradores e o que ela quer se tornar a longo prazo?

Como implementá-lo com sucesso?

Após mapear a nova Proposta de Valor, é hora de colocá-la em prática.

Para garantir a aplicação de maneira eficiente, é preciso considerar alguns fatores, como: o orçamento para essas estratégias, os canais de comunicação a serem utilizados, o perfil dos colaboradores e as ações que mais se aproximam desse perfil.

Por outro lado, caso não haja verba suficiente para implementar todas as mudanças inicialmente, adeque os planos para caber no orçamento a curto e médio prazo.

Ainda, é importante que as transformações sejam comunicadas e que as equipes saibam qual é o novo posicionamento da empresa. Para isso, os times de RH e Marketing podem pensar, em conjunto, em estratégias de comunicação interna e externa.

Por fim, também é fundamental que a organização invista em ferramentas para medir a eficácia do EVP implementado. Diversas alternativas podem ser utilizadas conforme a cultura da sua empresa. São elas:

  • Pesquisa de satisfação em processos seletivos;
  • Conversas com as lideranças e feedbacks individuais com os colaboradores;
  • Análise de relatórios com dados sobre turnover e retenção;
  • Employee Net Promoter, para medir a satisfação dos funcionários;
  • Benchmarking.

Aprenda mais sobre Employer Value Proposition

Em 2011, após conduzir uma pesquisa de clima global focada em fatores de engajamento, a Pernod Ricard deu início à construção da sua estratégia de EVP, com foco em alavancar a experiência mais satisfatória para os seus colaboradores.

Para contar o case de sucesso da aplicação do EVP, recebemos no Gestão de Pessoas a Cecília Saleme, Head de Recursos Humanos da Pernod Ricard, grupo global de vinhos e destilados que representa 240 marcas premium disponíveis em mais de 160 países.

Portanto, se você quer aprofundar os seus conhecimentos sobre Proposta de Valor ao Colaborador e aprender mais sobre como conectar pessoas à sua empresa, confira o episódio na íntegra clicando aqui.

Compartilhe esse artigo:
Posts relacionados